• Home
  • QUAIS SÃO OS RISCOS DE FUMAR PARA UMA MULHER GRÁVIDA?
Download CD QUAIS SÃO OS RISCOS DE FUMAR PARA UMA MULHER GRÁVIDA?

QUAIS SÃO OS RISCOS DE FUMAR PARA UMA MULHER GRÁVIDA?

Além de prejudicar a saúde, fumar durante a gravidez tem efeitos nocivos para os bebês, por isso é recomendado que a gestante não continue fumando durante os 9 meses de gravidez.

Além da nicotina, fumar cigarros e outros Produtos semelhantes são altamente viciantes e fazem com que você respire monóxido de carbono e outros agentes cancerígenos enquanto fuma, que atingem seu bebê através da corrente sanguínea. Mas o que isso faz com a criança? Veja abaixo.

Problemas de saúde do bebê

Para uma mulher grávida, o consumo de produtos à base de nicotina reduz o oxigênio disponível para o crescimento adequado do bebê, aumenta a frequência cardíaca do bebê e aumenta a probabilidade de aborto espontâneo ou natimorto.

Um estudo publicado na revista PLoS One vinculou a nicotina a gravidezes ectópicas, nas quais o embrião se desenvolve fora do útero. Gravidezes desse tipo podem resultar em complicações com risco de vida tanto para a mãe quanto para a criança.

Além desses problemas está a alta taxa de bebês prematuros com baixo peso ao nascer e problemas respiratórios anteriores. Defeitos congênitos, descolamento prematuro da placenta ou placenta prévia também estão entre os problemas causados ​​pelo tabagismo durante a gravidez.

O fumo passivo também é ruim para os bebês

Outro problema grave durante a gravidez é o fumo passivo, a situação em que uma mulher grávida vive com alguém que fuma. Em situações de gravidez, o fumo passivo pode levar ao desenvolvimento de câncer tanto na mãe quanto no bebê. Por isso, os especialistas recomendam que as gestantes abandonem o hábito antes de iniciar o processo de gravidez.

Recomendações semelhantes são dadas aos eventuais parceiros para que as substâncias químicas emitidas na fumaça não sejam ingeridas pela gestante. É importante ressaltar que não há limites seguros para o fumo passivo.

É possível parar de fumar durante a gravidez

Uma gestante que deseja parar de fumar pode e deve fazê-lo. Os benefícios não são apenas para o feto, mas para a própria gestante. À medida que os batimentos cardíacos do bebê voltam ao normal em pouco tempo e o risco de problemas respiratórios diminui, a mãe pode ter crises de abstinência.

Da Quando o corpo está acostumado à nicotina, uma substância viciante, parar de fumar pode sentir o ausência dela no organismo. Os sintomas de abstinência característicos incluem desejos, irritabilidade, aumento da sensação de fome, tosse seca frequente, dores de cabeça e dificuldade de concentração. Esses efeitos desaparecem com o tempo e desaparecem após 10 a 14 dias.

Aplicativos de smartphone como QuitNow! (iOS | Android) e Smoke Free (iOS | Android) podem ser grandes aliados para parar de fumar. Os programas, disponíveis para iPhone e Android, facilitam a criação de uma rotina que incentiva a quebra de hábitos, fornecendo uma comunidade para suporte, ajuda com perguntas, exercícios de foco de energia e acompanhamento do progresso.

Leave A Comment